A Eyetech é uma startup que fornece controle de acesso através de reconhecimento inteligente de placas, faces e uso inteligente de dados.



Imagine não saber quem, realmente, está dentro de sua casa. Essa é a situação de inúmeras pessoas que moram em condomínios no Braisl. O controle de acesso é um processo de muitas etapas, que vai desde a identificação até a autorização da entrada. Falhas neste processo permitem que pessoas não-autorizadas tenham acesso ao condomínio e possam cometer desde infrações até roubos e crimes hedionos, causando dor de cabeça aos adminsitradores do condomínio e aos moradores.



A Eyetech procura, então, fornecer não só um contorle de acesso inteligente, mas, também, uma maneira de informar os usuários e garnatir um funcionamento eficiente de ponta a ponta nesse processo. O foco da solução está em duas vertentes principais: por um lado, permitir a entrada apenas de pessoas autorizadas; por outro, fazer ocntorle de acesso real para o condomínio. Para isso, o sistema conta com funções como reconhecimento inteligente de placas veiculares e faces, histórico de acesos, gerenciamento da entrada e controle pelo morador. Assim, facilita-se o processo literal de entrada e saída, além de proporcionar a experiÊncia de ter o controle.



Com mais de 1000 horas de reconhecimento de placas, dois condomínios já utilizaram a solução. Teste de reconhecimento facial foram feitos ao vivo na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, em Brasília. A equipe busca, a longo prazo, proporcionar experiências de controle através de uma "fechadura do futuro", que garanta o conforto e a inclusão tecnológica para pessoas e empresas de todo o Brasil.



A equipe da Eyetech conta com quatro pessoas, sendo três sócios: Ana clara Cavalcante, Meiryanna Martins e Paulo Victor Mesquita. A Eyetech foi premiada com o terceiro lugar na Banca Final ProLíder 2019.


O ProLíder é uma realização do Instituto Four.